Cartola 2013


CARTOLA FC 2013


Prepare-se para a nossa grande aventura através da aplicação da Modelagem Estatística no Cartola FC!





O Cartola FC é um fantasy game do futebol brasileiro criado pelo canal SporTV. No site oficial, o participante monta seu time (nome do time, escudo, camisa e patrocinador) e depois a escalação baseada nos jogadores da série A do Campeonato Brasileiro. De acordo com o desempenho real dos atletas as equipes receberão uma determinada pontuação. Todos começam com 100 cartoletas, moeda fictícia do jogo. Para saber mais sobre o jogo clique aqui.


Para entender como funciona a nossa aplicação da Estatística no Cartola FC clique aqui.
Lembrando que a modelagem será aplicada somente a partir da 5ª rodada!

Para saber quais equipes estão participando e os nomes dos jogadores basta ir ao final desta página.
Para conferir a nossa liga, clique aqui.



_______________________________________________________________

RODADA 7

Confira abaixo o quadro da seleção da 7ª rodada do Cartola FC no esquema 4-3-3 que custa C$ 168.96 e fez 169.05 pontos:




 Os gringos que disputam o Campeonato Brasilero roubaram a cena na rodada 7. Diego Frolán, o uruguaio do Inter, e Maxi Biancucchi, um dos argentinos do Vitória, foram os maiores pontuadores, contando com uma série de coincidências. Ambos marcaram dois gols e viram seus times construírem um placar de 3 a 2, diante de Fluminense e São Paulo (dois times tricolores), respectivamente, e chegarem perto da ponta da tabela. A diferença é que Forlán contribuiu de forma mais efetiva para a vitória do Colorado  ao dar assistência para o gol de D’Alessandro (outro gringo que entrou na seleção) e conquistou o posto de maior pontuador da rodada com 20.50 pontos. O uruguaio, aliás, tem sido boa pedida constantemente. Sua média no fantasy até o momento é de 10.04 pontos. Maxi, que alcançou a vice-liderança com a marca de 20.10 nesta rodada, tem uma pontuação média até maior: 10.45. Mas o reinado dos estrangeiros acaba na terceira posição, conquistada por Marcelo Lomba, que viveu duas vezes o grande momento de um goleiro na mesma partida. O arqueiro do Bahia defendeu duas cobranças de pênalti de William e impediu que a Ponte Preta balançasse as redes ao longo da partida. A pontuação (19.50) fez justiça à grande atuação no empate por 0 a 0 no Moisés Lucarelli. Na quarta posição, o jovem Vinicius Araújo, atacante do Cruzeiro e destaque do       sub - 20 do Brasil no Torneio Internacional de Toulon, onde foi artilheiro, chegou aos 17.80 pontos, após deixar sua marca duas vezes nos 3 a 0 do Cruzeiro sobre o Náutico. Ele contou com a ajuda do companheiro Ricardo Goulart, que também pontuou bem (14.40) e entrou na seleção da rodada. Fechando a listas dos cinco melhores, Neilton, o “sósia” de Neymar, brilhou na goleada por 4 a 1 do Santos sobre a Portuguesa, anotando dois gols. A nova revelação santista fechou com 15.40 pontos.



Passar um tempo sem jogar  no banco da Seleção Brasileira, parece não ter feito bem a Diego Cavalieri. O goleiro tricolor carrega o incômodo fardo de pior da rodada no Cartola, depois dos três gols sofridos para o Inter, com direito a uma falha clamorosa no terceiro gol, fato que ele próprio admitiu. Quem apostou em Cavalieri levou para casa frustrantes -6.30. Em segundo lugar está Wellington, do São Paulo, que prejudicou sua equipe com uma expulsão e uma série de cinco faltas cometidas. Resultado: -5.60 na conta.
O duelo entre Ponte Preta e Bahia consagrou o goleiro Marcelo Lomba, mas foi terrível para outros três jogadores que entraram para a lista do “Escalei mal meu Cartola”. William, o vilão da Macaca, perdeu os dois pênaltis e ficou em terceiro, com -4.90. O companheiro Baraka foi ligeiramente "melhor" e levou -3.50, graças a três faltas cometidas e um cartão amarelo. Ele ficou em quinto lugar, empatado com Diones, do Bahia, que cometeu as mesmas infrações, porém, com uma falta a mais. O quarto lugar coube ao goleiro Wilson, do Vitória, que sofreu dois gols do Tricolor paulista e errou um passe. Ele fechou a rodada com -4.30.



Estatísticas e curiosidades tiradas do próprio site do cartola - sétima rodada:
Na rodada 7, o Cartola FC teve 1.028.795 times atualizados dos 1.671.794 inscritos no fantasy game em 2013. São 512.545 ligas até o momento, e as maiores torcidas do Brasil são as mais presentes no jogo. O Flamengo tem 510.861 representantes, seguida do Corinthians, com 410.952 times.



O jogador mais escalado pelos cartoleiros na jornada foi Éverton Ribeiro, do Cruzeiro. O meia esteve em 348.587 equipes, deu uma assistência no duelo contra o Náutico e teve pontuação média: 6.40 pontos.



No tradicional esquema 4-4-2, o restante da equipe mais escalada foi: Aranha (Santos), Mayke (Cruzeiro), Paulo André (Corinthians), Digão (Fluminense) e Egídio (Cruzeiro); Alex (Coritiba), Guilherme (Corinthians) e Wagner (Fluminense); Marcelo Moreno (Flamengo) e Alexandre Pato (Corinthians). O técnico preferido pelos cartoleiros foi Edson Pimenta, da Portuguesa, escalado em 444.801 times.



O Campeonato Brasileiro teve um fim de semana de comemorações em diferentes sotaques. Os estrangeiros foram responsáveis por 9 dos 24 gols da rodada. Um deles, o do angolano Geraldo, garantiu a  vitória do novo líder Coritiba no clássico diante do maio rival, o Atlético-PR, por 1 a 0. Apenas um gol de gringo não foi garantia de vitória. Seedorf brindou os botafoguenses com um lindo chute de longe e só não saiu vitorioso porque o chileno Vargas, do Grêmio, estava inspirado. O atacante marcou os dois gols do triunfo sobre o Glorioso por 2 a 1 e roubou a cena no retorno do técnico Renato Gaúcho a Porto Alegre no comando do time tricolor. Por outro lado, o seu companheiro de ataque Kleber cometeu cinco faltas e foi um dos recordistas no quesito.
Em Macaé, o arqui-inimigo Internacional bateu o Fluminense por 3 a 1 e Forlán deitou e rolou. Primeiro, deu uma assistência para o argentino D'Alessandro abrir o placar. Não satisfeito, marcou um gol olímpico graças a falha do goleiro Diego Cavalieri, que viu a bola passar entre suas mãos. Depois, o uruguaio ganhou um presentaço do zagueiro Digão, que errou geral ao recuar mal a bola, e chutou da entrada da área para fazer o segundo no jogo.
No Barradão, Maxi Biancucchi, atacante do Vitória, estava com a pontaria afiada. O argentino primo do Messi, balançou a rede duas vezes no triunfo sobre o São Paulo por 3 a 2 e assumiu a artilharia do Brasileirão com seis gols. O Rubro-Negro agora é o segundo colocado, com 13 pontos, dois a menos do que o líder Coritiba.
A rodada também teve o recorde de cartões amarelos na competição: 49. O confronto entre Ponte Preta e Bahia, no Moisés Lucarelli, deu uma grande contribuição para que se estabelecesse não só esta marca, mas também a de pênaltis perdidos. Ao todo foram 10 cartões distribuídos pelo árbitro , o número mais expressivo da rodada, e duas penalidades cobradas pelo atacante William, da Macaca, defendidas por Marcelo Lomba, que garantiu o placar em branco. Ainda houve outra cobrança na marca da cal desperdiçada por Renato Cajá, do Vitória.”





Gráfico de desempenho dos 11 melhores jogadores da rodada (independente das posições em que atuam):




Resultados da rodada 7:




Surpresas da rodada: pouqíssimas! Apenas a derrota do Corinthians em casa para o time misto do Atlético MG. E a segunda derrota seguida do Fluminense, atual campeão, dentro da competição.  Em 8 rodadas o tricolor carioca já amarga a sua quarta derrota, enquanto que na temporada passada o Fluminense só veio perder pela quarta vez na penúltima rodada, uma rodada após conquistar o título diante do Palmeiras. O Botafogo, após perder para o Grémio no Rio Grande do Sul, perdeu a liderança para o Coritiba, que venceu o “Atletiba”. No “clássico dos milhões” o Flamengo venceu o Vasco jogando em Brasília. O destaque dos placares foi o Cruzeiro que venceu sem problemas a fraca equipe do Náutico, jogando no Mineirão por 3 a 0 e o Santos que jogando na Vila aplicou uma goleada de 4 a 1sobre um dos seus rivais regionais, a Portuguesa.




A equipe do estatisti.CO fez 60.22 pts nesta sexta rodada, a pontuação poderia ser melhor, mas está dentro da pontuação esperada. Conseguimos recuperar o patrimônio perdido na rodada anterior. A equipe conta atualmente com um patrimônio de C$ 152,06 cartoletas. Infelizmente momentos antes do mercado fechar tiramos o Vinícius Araújo da equipe, mas acontece, coisa de cartoleiro que mexe na equipe até o último segundo.

_______________________________________________________________

RODADA 6

Rodada 6 - Nesta rodada prentendíamos por o prática o uso do modelo estatístico para montar a equipe, porém ainda não foi possível devido a alguns problemas, portanto iremos adiar o seu uso até adequá - lo melhor.


Confira abaixo o quadro da seleção da 6ª rodada do Cartola FC no esquema 4-4-2 que custa C$ 136.53 e fez 143.10 pontos.





Se nas rodadas anterior Alexandre Pato decepcionou, nessa rodada ele mostrou que pode, sim, ser uma boa aposta no Cartola: marcou os dois gols da vitória por 2 a 0, em Salvador, e acabou como o melhor da rodada 6, com 17.30 pontos. O atacante Guilherme do Atlético Mineiro também reencontrou seu bom futebol e deu assistências para dois gols nos 3 a 2 diante do Criciúma e fez a segunda maior pontuação da rodada: 14.50. Rosinei, que recebeu presente de Guilherme para marcar o primeiro do Galo no jogo, também está na seleção da rodada. O volante fez 10.40 pontos. Se Pato e Guilherme acordaram, Alex, do Coritiba, dá continuidade à boa fase. Ele ficou em terceiro na rodada, com 14.30, após marcar um gol e dar uma assistência no empate contra o Flamengo. Walter foi o destaque do Goiás com o gol decisivo no 1 a 0 contra o Vitória. Ele fez 13.30 pontos, pouco acima do goleiro Lauro, que fechou o top 5 com uma boa atuação diante do Cruzeiro, no empate por 1 a 1. Foram cinco defesas difíceis e 13.20 para quem se deu bem na aposta.



Após os 5 a 3 impostos pelo Internacional, o goleiro Michel Alves do Vasco marcou presença na lista negra da rodada, indo buscar cinco bolas na rede, faturando o troféu mais ingrato do Cartola, com -7.30 pontos. O lateral Nei, também do Vasco, marcou um gol contra a favor de seu ex-clube e ainda errou cinco passes. Resultado: -4.60 e o quarto lugar entre as apostas que deram errado.
Pior que Nei foi Luan, do Atlético-MG. Além de também marcar um gol contra, o atacante levou um cartão amarelo e cometeu três faltas. Os -5.30 frustraram muita gente que apostava no ataque do Galo diante do Criciuma. Rogério Ceni (-4.60) e Artur (-4.50) completam a lista. O goleiro do São Paulo sofreu dois gols no clássico contra o Santos, enquanto o lateral da Ponte Preta foi o mais faltoso da rodada, com sete infrações.




Estatísticas e curiosidades tiradas do próprio site do cartola - sexta rodada:



Na rodada 6, o Cartola FC teve 1.110.626 times atualizados dos 1.653.942 inscritos no fantasy game em 2013. São 510.172 ligas até o momento, e as maiores torcidas do Brasil são as mais presentes no jogo. O Flamengo tem 508.595 representantes, seguida do Corinthians, com 408.518 times.



O jogador mais escalado pelos cartoleiros na jornada foi Marcelo Moreno, do Flamengo. O atacante estava em 317.306 equipes, marcou um gol diante do Coritiba, mas perdeu um pênalti e fez 7.60 pontos.



No tradicional esquema 4-4-2, o restante da equipe mais escalada foi: Cássio (Corinthians), Fabrício (Internacional), Paulo André (Corinthians), Digão (Fluminense) e Alessandro (Corinthians); Guilherme (Corinthians), Arouca (Santos), Wagner (Fluminense), D’Alessandro (Internacional); No ataque, Moreno teve a companhia de Alexandre Pato. O técnico preferido pelos cartoleiros foi Edson Pimenta, da Portuguesa, escalado em 472.048 times.



A volta do Campeonato Brasileiro teve a marca da categoria de Seedorf. Aos 37 anos, o craque holandês voltou cheio de gás após a parada para a Copa das Confederações e foi decisivo no ‘Clássico Vovô’, fazendo o gol da vitória por 1 a 0 sobre o Fluminense e que colocou o Botafogo na liderança. Presente e tanto para quem completou na véspera um ano como jogador alvinegro. Quem precisa calibrar o pé são os atacantes do Cruzeiro. O time finalizou 20 vezes contra apenas seis da Portuguesa, mas não passou do 1 a 1 com o time paulista. A explicação do empate, porém, também passa por Lauro. O goleiro fez cinco defesas difíceis, o máximo na rodada. Nenhuma, porém, superou a de Vanderlei, do Coritiba, que pegou um chute de João Paulo, do Flamengo, de forma espetacular.
A rodada foi de poucas jogadas violentas, tanto que não houve expulsão.” 





Gráfico de desempenho dos jogadores da seleção da sexta rodada:






Resultados da rodada 6:




Sem muitas surpresas nesta rodada também. No clássico San - São, apesar de um leve favoritismo do São Paulo, até por estar jogando em casa, deu Santos, mas não é nada muito absurdo tendo em vista que em clássicos se ve muito disso, o time que entra em campo como “azarão” acaba entrando com mais raça e vontade e acaba vencendo a partida. No Rio, tivemos o famoso “clássico vovô”, no qual não havia um favorito claro, o Botafogo com um gol do Seedorf acabou levando a melhor sobre o Fluminense de Cavalieri, que acabou falhando no gol do holandês. O time misto do Atlético Mineiro conseguiu bater em casa a equipe do Criciuma. O Goias, jogando em casa, conquistou os 3 pontos diante da boa equipe do Vitória. A estréia de Mano Menezes pelo Flamengo (em um jogo oficial) vinha bem, o time abriu 2 x 0, porém cedeu o empate ao Coritiba, regido pelo craque Alex, que fez um gol e de uma assitência. A surpresa da rodada ficou por conta do Cruzeiro que jogando fora de casa apenas empatou com a fraca equipe da Portuguesa.





A equipe do estatisti.CO fez 29.84 pts nesta sexta rodada, uma péssima pontuação, fazendo com que a equipe perdesse patrimônio. Das apostas feitas nessa rodada apenas Jonatas Belusso deu algum retorno. Para a próxima rodada a expectativa é que o time recupere as cartoletas perdidas e faça pelo menos 60 pontos.

_______________________________________________________________

RODADA 5



Confira abaixo o quadro da seleção da 5ª rodada do Cartola FC,  no esquema 4-4-2 que custa C$ 136.64 e fez 151.83 pontos:




A primeira vitória do Flamengo na competição veio com um placar elástico e de quebra os 3 a 0 que o Flamengo conquistou fora de casa diante da equipe do Criciuma rendeu ao time 4 jogadores na seleção da rodada. Além do técnico interino Jaime de Oliveira, o time da Gávea pôs o goleiro Felipe, o lateral-esquerdo João Paulo e o meia Gabriel, que foi o maior pontuador da rodada. O camisa 10 do Rubro-Negro marcou dois gols, um deles olímpico, teve um chute defendido e totalizou 16.70 pontos.
Outros dois jogadores  que se destacaram na rodada foram Éverton Ribeiro, do Cruzeiro, e Maxi Biancucchi, do Vitória. À exceção das faltas sofridas, a dupla teve as mesmas estatísticas nos jogos de suas respectivas equipes (um gol, uma assistência e uma finalização defendida) e   fizeram 14.80 pontos cada.



Mas nem tudo são flores no cartola, houve também quem mandou na rodada atrapalhando o desempenhos dos times. Neste quesito, Diones, do Bahia, registrou a maior pontuação negativa desta quinta rodada. O volante do Tricolor de Aço foi expulso contra o Vasco, cometeu três faltas, deu um passe errado e ficou com –6.30 pontos. O segundo que menos pontuou foi Renan, do Goiás. O goleiro tomou um cartão amarelo, sofreu dois gols do Fluminense e anotou – 5.50. O cruzeirense Ricardo Goulart (-4.80), Fabinho, do Criciúma (-4.50), e Ferron, da Ponte Preta (-4.10) fecham a lista dos cinco piores.




Estatísticas e curiosidades tiradas do próprio site do cartola: quinta rodada:


“Na rodada 5, o Cartola FC teve 1.159.515 times atualizados dos 1.618.678 ativos no fantasy game no ano. São 504.718 ligas até o momento, e as duas maiores torcidas do Brasil são as mais presentes no jogo. O Flamengo tem 502.173 representantes, seguida pela do Corinthians com 403.037 times.



O jogador mais escalado pelos cartoleiros na jornada foi Alexandre Pato, do Corinthians. O atacante estava em 461.367 equipes, porém é bem provável que muitos cartoleiros estejam arrependidos em ter colocado ele no time. Isso porque o camisa 7 do Timão, além de não balançar a rede contra a Portuguesa, anotou -1.40 pontos e deu prejuízo aos cofres dos cartoleiros.



No tradicional esquema 4-4-2, o restante da equipe mais escalada foi: Cássio (Corinthians), Alessandro (Corinthians), Digão (Fluminense), Paulo André (Corinthians) e Marlon (Criciúma); Guilherme (Corinthians), Danilo (Corinthians), Alex (Coritiba) e Wagner (Fluminense); No ataque Rhaymer (Fluminense). O técnico preferido pelos cartoleiros foi novamente Edson Pimenta, da Portuguesa, escalado em 393.724 times.


No  duelo entre Vitória e Atlético-PR, a equipe baiana levou a melhor e venceu o Furacão por 3 a 2, em Feira de Santana, em um jogo com 25 faltas ao todo. O curioso, porém, é que mesmo com o excesso de infrações, o árbitro não deu nenhum cartão. Com isso, o confronto se tornou o primeiro no campeonato sem amarelo ou vermelho.



A liderança da competição permanece com o Coritiba. O Coxa bateu o Náutico, por 1 a 0, no Couto Pereira, com o gol mais rápido do Brasileirão 2013. O meia Alex cobrou falta da esquerda e o atacante Deivid completou para o fundo das redes logo aos 54 segundos de partida.
Em Campinas, o Botafogo bateu a Ponte Preta, por 2 a 0, e precisou de apenas quatro toques para realizar uma pintura de gol. Aos 31 minutos do primeiro tempo, Lucas bateu lateral para Fellype Gabriel e o meia deu um lindo toque de calcanhar para Rafael Marques. O atacante subiu mais alto que o zagueiro e escorou para Seedorf na entrada da pequena área. O holandês emendou de primeira e colocou a bola no canto esquerdo do goleiro Roberto.



Outro grande destaque da rodada foi o volante Willians, do Internacional. No empate por 2 a 2 entre o time colorado e o Cruzeiro, na Arena do Jacaré, o jogador roubou nada menos do que nove bolas, um recorde neste Brasileirão até o momento. Já os goleiros Fábio, do Cruzeiro e Wilson, do Vitória, novamente se destacaram com quatro defesas difíceis cada.
Vale lembrar que a partida em que o Atlético-MG venceu o Grêmio por 2 a 0 é válida pela segunda rodada e, por isso, não conta para as estatísticas do pacotão da quinta rodada.”









Resultados da rodada 5:




Para mim uma rodada sem muitas surpresas. Os times da parte de cima da tabela ganharam. As únicas ressalvas a serem feitas é na elasticidade do placar do jogo do Flamengo com o Criciuma, tendo em vista que a equipe catarinense é forte jogando em casa, e o empate do Corinthians com a Portuguesa, apesar de ser um clássico, o Corinthians era favorito e jogava em casa, esperava - se pelo menos uma vitória pelo placar mínimo.






A equipe do estatisti.CO fez 55.27 pts nesta quinta rodada, uma pontuação mediana, porém ainda baixo do que é esperado pela equipe, mas a tendência é que a equipe melhore com o tempo.

_______________________________________________________________

RODADA 4



A Seleção do cartola que mais pontuou nesta quarta rodada contou novamente com o esquema 4-3-3:


Com muitas surpresas nessa rodada, vemos a presença de 2 jogadores do Vasco mais o técnico e 2 jogadores do Atlético Paranaense que são times menos badalados no campeonato. Entre os times que figuram entre os favoritos não vemos nenhum jogador nessa seleção da rodada.

Com suas 5 boas defesas (o goleiro que mais fez defesas difíceis nessa rodada) o maior pontuador foi Michel Alves, goleiro do vasco com 20 pontos, além de ter sido o jogador que mais valorizou (6.12 cartoletas).Willian da Ponte Preta e .Fernandão do Bahia, ambos atacantes, foram os artilheiros da rodada com 2 gols cada.

Principais estatísticas da rodada:

Jogos com mais amarelos: São Paulo x Goias - 7 amarelos e Portuguesa x Internacional - 7 amarelos e 1 vermelho

Jogo mais faltoso: Bahia x Botafogo - 47 faltas

Jogo com mais passes errados: São Paulo x Goiás - 87 passes errados

Jogo com mais finalizações: Ponte Preta x Atlético Paranaense - 33 finalizações

Jogador mais faltoso: Neto Baiano (Goiás) - 8 faltas cometidas

Jogador com mais passes errados: Lucio (São Paulo) - 9 passes errados

Goleiro com mais defesas difíceis: Michel Alves (Vasco) - 6 defesas difíceis

Maior ladrão de bola: Elsinho (Vasco) e Josa (Náutico) - 6 roubadas de bola

Jogador que mais ficou impedido: Chiquinho (Ponte Preta) - 4 impedimentos

Jogador com mais assistências: Felipe (Atlético Paranaense) - 2 assistências

Jogadores expulsos na rodada: Fábio Santos (Corinthians), Renato (Flamengo) e Ferdinando (Portuguesa)



11 jogadores que mais pontuaram na rodada independente das posições em que atuam:


Resultados da rodada 4:


Com muitas surpresas nessa rodada, tivemos vários resultados surpreendentes que resultaram na demissão de 4 técnicos (Flamengo, Santos, Ponte Preta e Náutico) e deixou bem encaminhada a demissão de um (Ney Franco do São Paulo).

O Jogo do Vasco, apesar de ter surpreendido a muitos, pelo menos pra mim não foi uma surpresa tão grande dado que o Atlético Mineiro veio com metade do time com reservas, 3 volantes no meio campo, eu apostava em um jogo truncado e um empate, mas a vitória do VAsco não foi um resultado tão surpreendente assim. A derrota dos 3 times cariocas foram as maiores surpresas da rodada, todos esperavam vitórias de Flamengo, Botafogo e Fluminense, o que acabou não ocorrendo e atrapalhando a rodada da maioria dos cartoleiros.



A equipe do estatisti.CO fez 52.21 pontos nesta segunda rodada, conseguindo um patrimônio de: 146.04 cartoletas. A pontuação foi mediana, até boa se considerando o número de surpresas da rodada, porém o objetivo ainda é ganhar ganhar cartoletas e conseguimos ganhar 3,3 cartoletas nessa rodada.

_______________________________________________________________

RODADA 3

Dica para terceira e demais rodadas

Agora os preços já se estabilizaram e, com isso, você deve mudar a sua estratégia! A partir da terceira rodada, lembre-se sempre que a tendência é que o jogador que foi mal na rodada anterior, tende a valorizar, e o jogador que foi bem, tende a desvalorizar.

Contudo, é importante também ficar atento a outros fatores, como aos próximos jogos, às "pratas da casa" e aos "craques" que, em geral, rendem bem do início ao fim do campeonato. Além disso, ter cartoletas extras nos cofres também pode render bons frutos no futuro.

E baseado nisto o time do estatísti.CO para a terceira rodada é:





Os objetivos dessa terceira rodada foram alcançados (uma pontuação boa seguida de um bom ganho de cartoletas). A equipe do estatisti.CO fez 81.33 pontos nessa terceira rodada, aumentando o seu patrimônio para: 142.74 cartoletas.


A seleção da terceira rodada do Cartola que mais obteve pontos teve o sistema 4-3-3




Reforçando o seu favoritismo na conquista do campeonato notamos de cara a presença maciça de jogadores do Fluminense, 3 jogadores e o técnico. Os demais jogadores são de times variados. Exceto pelo Lodeiro e Abel Braga os outros jogadores dessa seleção podem ser considerados surpresas, Digão que obteve a maior pontuação (24.10) e a maior valorização (7.68 cartoletas) e Éderson que teve a segunda maior pontuação (20.30) e a segunda maior valorização (6.72 cartoletas) foram as maiores surpresas dessa rodada.


Diego Souza, meia do Cruzeiro e Juninho, volante do Atlético Paranaense com 6 faltas cada foram os mais faltosos da terceira rodada. Os artilheiros dessa rodada com 2 gols foram: Éderson, atacante do Atlético Paranaense, Digão, zagueiro do Fluminense, Lodeiro, meia do Botafogo e Dinei, atacante do Vitória. O jogador que mais roubou bolas, incrivelmente, foi Rhayner, atacante do Fluminense, com 7 desarmes perfeitos. Quem mais errou passes curiosamente foram 2 laterais direitos de times do Rio de Janeiro, Elsinho do Vasco e Lucas do Botafogo com 10 passes errados cada. Vanderlei, goleiro do Coritiba ajudou a segurar o empate com o Goias com 6 defesas difíceis e foi o líder desse quesito. Maxi Biancucchi, que foi o jogador que mais valorizou na rodada passada, nesta rodada foi destaque, só que no quesito impedimento.


Os jogos entre Atlético Paranaense x Flamengo e Internacional x Bahia foram os com mais finalizações: 38 chutes a gol. Inter x Bahia, além disso, bateu o recorde de cartões amarelos no campeonato: 11 amarelos em um único jogo. A partida com mais passes errados: foi Botafogo x Cruzeiro, tivemos 78 passes errados nesta partida.



Resultados da terceira rodada:


A única grande surpresa nessa rodada foi a vitória do Bahia em cima do Internacional fora de casa, tirando a invencibilidade que o Inter carregava jogando na Serra, em Caxias, no ano.

_______________________________________________________________

RODADA 2



Dica pra segunda rodada

A partir desta rodada, os preços dos jogadores começam a se estabilizar. Neste caso, vale a pena investir em atletas que valorizaram na primeira rodada. Isso porque, mesmo que eles não repitam a ótima pontuação, é provável que eles consigam manter médias altas para o seu valor de custo. Ou seja, nesta etapa, quanto maior for a média do jogador em relação ao seu preço, maior será sua valorização.



A Seleção do cartola que mais pontuou na segunda rodada contou com o esquema 4-3-3.

(clique na imagem para ampliar)



Tivemos uma rodada com 2 partidas a menos devido a jogos na Libertadores. Entre os jogadores da seleção da rodada mostrado acima podemos notar a presença de 3 jogadores do São Paulo além do técnico, 2 do Internacional e 1 do Cruzeiro que são alguns dos times considerados favoritos na conquista desse campeonato. A surpresa da rodada foi o Jussandro, lateral esquerdo do Bahia, que foi o quarto jogador jogador que mais pontuou na seleção da rodada (14.60 pontos) e o segundo jogador que mais valorizou (5.45 cartoletas).

O maior pontuador da rodada foi o Luis Fabiano do São Paulo com 20.30 pontos por causa dos 2 gols que ele fez (seriam 3, mas o juiz deu um dos gols para o Luan, zagueiro do Vasco, considerando assim o que seria o terceiro gol marcado pelo Luis Fabiano como gol contra). O jogador que mais valorizou na rodada foi Maxi Biancucchi, atacante do Vitória e conhecido também como primo do Messi, com uma valorização de 6.40 cartoletas.



Pedro Botelho, lateral esquerdo do Atletico Paranaense e D’Alessandro, meia do Internacional, foram os jogadores que mais erraram passes na rodada, 9 passes errados por cada um. Os artilheiros da rodada foram Maxi Biancucchi e Luis fabiano, ambos com 2 gols. Os destaques do quesito “roubadas de bola” foram Lucio, zagueiro do São Paulo e ex - zagueiro da seleção brasileira, Junior Urso, volante do Coritiba, Willian Matheus, lateral esquerdo do Goias e Jussandro anotaram 6 desarmes. Nilton, volante do Cruzeiro, foi o jogador mais faltoso cometendo 7 faltas nesta segunda rodada. Rogério, atacante do Náutico e Araújo, atacante do Goias, foram os jogadores que mais ficaram em impedimento, 5 impedimentos cada. Apesar de seu time ter perdido, Bruno, goleiro do Criciuma, foi o goleiro com mais defesas difíceis, ajudando a sua equipe com 4 boas defesas.

O jogo entre Goias x Corinthians foi o mais faltoso, ocorrendo 39 faltas e 7 cartões amarelos nessa partida e rendendo ao Goias 5 amarelos e o posto de time com mais cartões nesta segunda rodada. O jogo entre Atlético Paranaense x Cruzeiro foi a partida com mais passes errados, num total de 83, e mais finalizações, 34 no total.

Ao final desta segunda rodada já temos 3 jogadores com 2 cartões amarelos: João Paulo, volante do Atlético Paranaense, Willians, volante do Internacional e Willian Matheus.



Gráfico dos 11 jogadores que mais pontuaram na rodada independente das posições em que atuam:




Resultados da segunda rodada:




* Atlético Mineiro x Gremio e Portuguesa x Fluminense foram adiados devido aos jogos de do Atlético e Fluminense na Libertadores da América.


A equipe do estatisti.CO fez 27.95 pontos nesta segunda rodada, conseguindo um patrimônio de: 127.83 cartoletas. A pontuação foi baixa, porém o objetivo era ganhar cartoletas e conseguimos ganhar 3.66 cartoletas nessa rodada.

(clique na imagem para ampliar)


_______________________________________________________________

RODADA 1

A Seleção do cartola que mais pontuou na primeira rodada contou com o esquema 3-4-3.

(Clique para ampliar)



Dentre os jogadores da seleção da rodada mostrado acima podemos notar a presença de 3 jogadores do Cruzeiro além do técnico, 2 do Grêmio e 1 do Fluminense, que são alguns dos times favoritos a conquistar o campeonato. A surpresa ficou por conta do atacante Lins do Criciúma (talvez não tenha sido uma surpresa tão grande já que ele foi destaque do Campeonato Catarinense) que apareceu como o segundo jogador que mais pontuou na rodada (21.10 pontos) e o jogador que mais valorizou (14.45 cartoletas). O principal pontuador da rodada foi o meio-campista Fred do Internacional anotando 21.90 pontos nessa primeira rodada.

Emerson Sheik e Neymar foram os jogadores que mais sofreram falta nessa rodada, cada um sofreu 8 faltas. Thiago Carleto, lateral do São Paulo e Seedorf foram os jogadores que mais erraram passes, 11 passes errados para cada. Souza do Grêmio e Dagoberto se destacaram no quesito “assistência”, ambos anotaram 2 assistências. O artilheiro da rodada foi o volante Nilton do Cruzeiro, com 2 gols marcados contra o Goias. Fábio Braga, volante do Fluminense, foi o destaque do quesito “roubadas de bola”, o garoto roubou nada menos do que 6 bolas. Martinez do Náutico e Paulinho do Corinthians foram os jogadores mais faltosos: 7 faltas cometidas por cada um. 

Edson Silva, zagueiro do São Paulo e Diogo, atacante da Portuguesa, foram os únicos a serem expulsos nessa rodada de abertura. Apesar de ter sofrido 5 gols na rodada, Harlei do Goiás, foi o goleiro com mais defesas difíceis visto que ele fez nada menos do que 5 defesas difíceis, mostrando que se não fosse por ele a goleada poderia ter sido maior. O jogo do Criciúma x Bahia com 7 cartões amarelos foi o jogo com mais cartões, com o Criciúma sendo o time que mais recebeu amarelos nessa rodada de abertura.



Gráfico dos 11 jogadores que mais pontuaram na rodada independente das posições em que atuam:





Resultados da primeira rodada:






A equipe do estatisti.CO fez 59.44 pontos nessa primeira rodada, conseguindo um patrimônio de: 124.17 cartoletas.

(Clique para ampliar)


_______________________________________________________________


Equipes Participantes
(Equipe - Jogador)

Botswana F.C.    -     Arthur Seraphim
estatisti.CO         -     equipe estatisti.CO
Fe SCCP Fut      -     Felipe Oshiro
CRFlago             -     Hyago Souza
Fascina Copeiro  -    Guilherme Calçada
Ludoviko             -     Raoni Felix
Led Black           -     Igor Martins
Rony Tayson       -     Ronaldo Lacerda

 
Support : Creating Website | Johny Template | Mas Template
Copyright © 2011. Estatisti.co - All Rights Reserved
Template Created by Creating Website Published by Mas Template
Proudly powered by Blogger